Mediação de conflitos: experiência na pespectiva de uma atividade de extensão universitária
PDF/A

Palavras-chave

Mediação de Conflitos
Extensão Universitária
Direitos Humanos.

Como Citar

Rocha, J. T., & Porto, V. de A. (2012). Mediação de conflitos: experiência na pespectiva de uma atividade de extensão universitária. Lex Humana (ISSN 2175-0947), 4(2), 92–101. Recuperado de http://seer.ucp.br/seer/index.php/LexHumana/article/view/270

Resumo

Meios alternativos de resolução de disputas são buscados há tempos para que se realize um acesso à justiça mais humanizado. Sem a imposição de um poder interventivo, as partes passam a ter mais autonomia em suas decisões. O projeto de extensão da Universidade Federal da Paraíba “Cidadania em Extensão: Acesso à Justiça e Mediação de Conflitos”, vinculado ao Centro de Referência em Direitos Humanos (CRDH) objetiva tratar do tema “Acesso à Justiça”, fazendo uso de um dos métodos extrajudiciais de resolução de conflitos, a saber: a Mediação. Os Centros de Referência da Cidadania de Mandacaru e Jardim Veneza, em João Pessoa/PB, foram os espaços escolhidos no primeiro ano do projeto, onde seus moradores discutiam problemas existentes nessas localidades, com vistas a construírem possíveis planos de ação. No ano seguinte, o Conselho Tutelar passou a ser o espaço elegido, trabalhando diretamente com a Mediação. A construção de um sentimento de unidade entre os moradores de uma comunidade é um dos objetivos desse projeto, no tocante às questões coletivas. Já a Mediação, de forma individualizada. Na perspectiva de um trabalho em conjunto, esse projeto segue em atividade, alcançando suas principais metas: o empoderamento dos sujeitos e a fomentação de uma cidadania ativa.

PDF/A

Downloads

Não há dados estatísticos.